Guaíba Online

MENU
Logo
Quinta, 22 de abril de 2021

Coluna

Pagamento do Auxílio Emergencial inicia nesta terça-feira, porém mais de 1/3 fica de fora em 2021; veja as regras

Houve um cruzamento de mais de 200 fontes de dados. Calendário prevê depósito da primeira parcela entre 6 e 30 de abril

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para Feedback
Máximo 600 caracteres.
enviando

De acordo com o pronunciamento do Governo Federal, nesta terça-feira (06/4) inicia o pagamento do auxílio emergencial 2021, sendo um alento para o povo brasileiro esse auxílio emergencial viabilizado através da PEC EMERGENCIAL, no valor cerca de 44 bilhões de reais. Servirá para pagar quatro parcelas no ano de 2021, que será direcionado ao povo brasileiro vulnerável e que estão passando por muitas dificuldades. São recursos públicos para os quais devemos ter o maior zelo, conforme a fala do Ministro da Cidadania.

..

O auxílio emergencial de 2021 terá quatro parcelas no valor de R$ 250,00, com duas exceções: mulheres chefes de família receberão o valor de R$ 375,00, e as famílias unipessoais, ou seja, pessoas que vivem só receberão o valor de R$ 150,00.

Houve um cruzamento de mais de 200 fontes de dados, para que o Governo conseguisse evoluir, para poder identificar os beneficiários. Aqueles que estavam aptos no mês de dezembro de 2020, permanecem para receber o auxílio, com exceção daqueles identificados com algum item que não fazem com que eles integrem na lista de 2021. Mais de 40 milhões de famílias terão acesso ao beneficio do auxílio emergencial de 2021. Em 2020 foram cerca de 66 milhões de beneficiários que receberam. Mais de 1/3 ficam de fora em 2021.

.

De acordo com o Presidente da Caixa, Pedro Guimarães, os pagamentos iniciam no dia 06 de abril e todo o calendário e detalhamento, serão divulgados seguindo o mesmo procedimento anterior de 2020. Consulte critérios e demais informações, diretamente no site da DATAPREV, sendo: www.consultaauxilio.cidadania.gov.br/consulta. Não é necessário criar novas contas digitais do Caixa TEM, pois o sistema irá utilizar as mesmas usadas pelos beneficiários em 2020, visando agilidade no processo. Porém, deve ser atualizado o Caixa TEM. O saque poderá ser realizado no prazo de duas semanas.

Assim como no ano passado, os recursos serão primeiramente depositados na poupança social digital criada em nome do beneficiário pela Caixa Econômica Federal. Os valores poderão ser usados em pagamento de contas e boletos, e para realização de comprar por meio de cartão de débito virtual ou QR Code. Somente depois de alguns dias e que o dinheiro poderá ser sacado ou usado em transferências bancárias ou pagamentos com PIX. 

  • O calendário prevê que o depósito da primeira parcela vai ocorrer entre 6 e 30 de abril, com saques em dinheiro entre 4 de maio e 4 de junho. A data exata vai depender do mês de nascimento do beneficiário. 
  • A segunda parcela será paga entre 16 de maio e 16 de junho, e a liberação para saques ocorrerá de 08 de junho e 08 de julho. 
  • Na terceira parcela, o depósito será feito entre 20 de junho e 21 de julho, enquanto os saques ficarão disponíveis de 13 de julho a 12 de agosto. 
  • A quarta parcela será paga entre 23 de julho e 22 de agosto, e a liberação para saques será feita entre 13 de agosto e 10 de setembro. 

Maiores informações consultem diretamente no site do DATAPREV citado acima. Desejo uma abençoada semana, para você!


.
.
.
..



Comentários: