TVGO | Guaíba Online

Quarta-feira, 24 de Julho de 2024

🚔 Segurança e Polícia

Para não ser executado por facção, jovem fica à deriva nas águas do Guaíba é resgatado pelos bombeiros

Homem de 19 anos teria fugido em um barco de madeira na vila dos Sargentos, em Porto Alegre, dada uma dívida que teria com facção criminosa.

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Para não ser executado por facção, jovem fica à deriva nas águas do Guaíba é resgatado pelos bombeiros
Arquivo CEBS / Bombeiros RS
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Um jovem foi resgatado das águas do Guaíba pela Companhia Especial de Busca e Salvamento (CEBS), do Comando de Bombeiros Militar do RS, na madrugada de segunda-feira (14) na zona Sul de Porto Alegre. O homem de 19 anos estava em um barco de madeira à deriva por cerca de duas horas, tendo pedido socorro pelo telefone celular.

Leia também: Brigada Militar de Guaíba salva menina de apenas 15 dias de vida

Para a Brigada Militar, a vítima relatou que seria executada por indivíduos na vila dos Sargentos, no bairro Serraria, devido às dívidas que teria com uma facção criminosa. O jovem teria sido trazido do bairro Mathias Velho, em Canoas, para a Capital. Os suspeitos estariam em dois veículos. Para fugir, ele contou que encontrou um barco de madeira, tipo artesanal, mas devido ao vento e à chuva foi parar na outra margem do Guaíba. 

Leia Também:

As buscas para localizá-lo duraram em torno de 40 minutos e envolveram duas equipes do CEBS. O jovem foi trazido para a margem com uma moto aquática e recebeu atendimento em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no local. O caso será agora investigado pela Polícia Civil.

Leia também: RS entra em estado de atenção contra a subvariante BQ.1 da ômicron

 

Comentários: