Guaíba Online

Desembargadora considera caótica a falta de 28 mil eleitores para fazer biometria em Guaíba

Prazo é até 11 de março; quem não cadastrar perderá direito ao voto

Pedro Molnar

OUVIR NOTÍCIA

A desembarcadora Marilene Bonzanini, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), esteve na sessão da Câmara de Vereadores nesta terça-feira para pronunciamento sobre o recadastramento biométrico em Guaíba. Para ela, a situação é considerada caótica, por mais de 28 mil eleitores ainda não terem ido ao cartório eleitoral, há exatamente um mês para o encerramento do prazo (11 de março). A cidade tem cerca de 74 mil eleitores e até o momento apenas 46 mil estão regularizados, ou seja, 62%.

- Precisamos conscientizar as pessoas que procuram a justiça eleitoral com a máxima urgência. Estamos no dia 11, março está logo ali, temos carnaval e ainda fevereiro tem 29 dias. Como é que vai se atender esse povo todo? - questionou

Leia também: Projeto que proíbe canudos plásticos em Guaíba é aprovado na Câmara


Vários municípios já fizeram a revisão do eleitorado, um processo que visa a atualização do cadastro eleitoral de todos inscritos. A biometria também objetiva assegurar maior segurança em todo processo do voto. Os eleitores que não comparecerem até o final do prazo poderão ter o registro cancelado, e não poderão votar nas eleições municipais desse ano.

- O número baixo de não votantes pode sofrer a pena das eleições de Guaiba desse ano não representar legitimamente o contexto da comunidade. Estamos aqui para conscientizar os eleitores da importância do voto como direito, dever e única forma de participar da democracia e interferir na escolha de nossos dirigentes - salienta

Como fazer

A Câmara de Vereadores está sendo ponto para o novo cadastro. Os atendimento é de segunda a quinta, das 13h às 18h e sexta-feira das 9h às 15h. O serviço também é oferecido no Cartório Eleitoral, no terceiro andar do Fórum, e pode ser agendado, para evitar filas, pelo site (acesse aqui). 

Jovens, de 16 a 18 anos, que ainda não têm o título, podem se cadastrar nesses lugares. Os documentos necessário são: documento de identidade e comprovante de residência atualizado.

Leia mais: Vereadora Fernanda Garcia assume como primeira secretária da Câmara



Oferecimento:
- Venha realizar as viagens dos seus sonhos na Duo Viagens
- Almoço TOP entregue em sua casa? Peça no Manah Ateliê de Comida Caseira
- Anuncie no Guaíba Online e leve sua marca para milhares de leitores




  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Desembargadora considera caótica a falta de 28 mil eleitores para fazer biometria em Guaíba

A desembarcadora Marilene Bonzanini, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), esteve na sessão da Câmara de Vereadores nesta terça-feira para pronunciamento sobre o recadastramento biométrico em Guaíba. Para ela, a situação é considerada caótica, por mais de 28 mil eleitores ainda não terem ido ao cartório eleitoral, há exatamente um mês para o encerramento do prazo (11 de março). A cidade tem cerca de 74 mil eleitores e até o momento apenas 46 mil estão regularizados, ou seja, 62%.

- Precisamos conscientizar as pessoas que procuram a justiça eleitoral com a máxima urgência. Estamos no dia 11, março está logo ali, temos carnaval e ainda fevereiro tem 29 dias. Como é que vai se atender esse povo todo? - questionou

Leia também: Projeto que proíbe canudos plásticos em Guaíba é aprovado na Câmara


Vários municípios já fizeram a revisão do eleitorado, um processo que visa a atualização do cadastro eleitoral de todos inscritos. A biometria também objetiva assegurar maior segurança em todo processo do voto. Os eleitores que não comparecerem até o final do prazo poderão ter o registro cancelado, e não poderão votar nas eleições municipais desse ano.

- O número baixo de não votantes pode sofrer a pena das eleições de Guaiba desse ano não representar legitimamente o contexto da comunidade. Estamos aqui para conscientizar os eleitores da importância do voto como direito, dever e única forma de participar da democracia e interferir na escolha de nossos dirigentes - salienta

Como fazer

A Câmara de Vereadores está sendo ponto para o novo cadastro. Os atendimento é de segunda a quinta, das 13h às 18h e sexta-feira das 9h às 15h. O serviço também é oferecido no Cartório Eleitoral, no terceiro andar do Fórum, e pode ser agendado, para evitar filas, pelo site (acesse aqui). 

Jovens, de 16 a 18 anos, que ainda não têm o título, podem se cadastrar nesses lugares. Os documentos necessário são: documento de identidade e comprovante de residência atualizado.

Leia mais: Vereadora Fernanda Garcia assume como primeira secretária da Câmara



Oferecimento:
- Venha realizar as viagens dos seus sonhos na Duo Viagens
- Almoço TOP entregue em sua casa? Peça no Manah Ateliê de Comida Caseira
- Anuncie no Guaíba Online e leve sua marca para milhares de leitores




Fale com a redação!

Envie sua informação, reclamação ou imagens para nossa redação