TVGO | Guaíba Online

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

🚔 Segurança e Polícia

Homem é preso em Porto Alegre por suspeita de tráfico de drogas e venda de joias

Operação da 3ª DIN/Denarc apreendeu drogas, dinheiro, arma, ouro e giroflex

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Homem é preso em Porto Alegre por suspeita de tráfico de drogas e venda de joias
Divulgação / Polícia Civil RS
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
Imagens

A Polícia Civil, através da 3ª Delegacia de Investigações do Narcotráfico (3ªDIN/Denarc), prendeu um homem na zona norte de Porto Alegre, no final da tarde deste domingo (30). Durante a operação, foram apreendidas joias de ouro, drogas, uma arma, dinheiro, um veículo de luxo e um giroflex.

O indivíduo de 33 anos, que já possui antecedentes criminais, foi identificado após uma investigação iniciada com base em informações de que ele vendia drogas e joias de ouro. Segundo o Delegado Gabriel Borges, o suspeito adquiria ouro com o dinheiro proveniente da venda de entorpecentes, para dar uma aparência lícita aos valores.

O monitoramento policial constatou que o suspeito vendia joias a figuras públicas e fornecia drogas a serviços de tele-entrega na região metropolitana de Porto Alegre. O homem foi abordado quando retornava ao seu condomínio no bairro Humaitá, com uma sacola contendo diversos pacotes de maconha.

Leia Também:

Ao entrar no imóvel do suspeito, os policiais localizaram equipamentos para produção de joias, além de drogas, uma arma, munições, dinheiro e outros itens relacionados à atividade ilícita. O veículo de luxo do homem também foi apreendido.

O Delegado Gabriel Borges ressaltou que a investigação permitiu identificar e cessar as atividades do suspeito, que utilizava a compra e venda de ouro para lavar dinheiro do tráfico de drogas. “O indivíduo também armazenava uma pistola calibre 9mm com numeração suprimida, carregadores, munições, um giroflex utilizado em viaturas policiais, balanças, celulares e mais de 5 mil reais em dinheiro”, disse o Delegado Gabriel Borges.

Você pode gostar de ler também as seguintes notícias:

 

 

 

Comentários: