TVGO | Guaíba Online

Sabado, 13 de Julho de 2024

👔 Política

Observatório Social de Guaíba apresenta relatório do primeiro semestre da Câmara de Vereadores; veja dados

42% dos projetos de lei foram de denominação de vias, concessão de cidadania e criação de datas comemorativas. 25% foram de serviços ao cidadão

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Observatório Social de Guaíba apresenta relatório do primeiro semestre da Câmara de Vereadores; veja dados
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O Observatório Social de Guaíba apresentou o relatório do primeiro semestre de 2021 sobre as atividades da Câmara de Vereadores de Guaíba. O documento traz informações apuradas sobre as atividades parlamentares e financeiras do legislativo guaibense. É a primeira vez que o órgão analisa tais dados da Câmara, prometendo um novo relatório no final do ano - até então o órgão vinha averiguando a atuação do executivo municipal dividido em quadrimestres. 

Das 1342 atividades, 921 foram pedidos de indicações (representando 67% do montante), como trocas de lâmpadas, tapar buracos, limpeza e roçada, sinalizações e outros. Foram propostos 111 projetos de lei de iniciativas dos vereadores(as), representando apenas 8% do total das atividades legislativas. A maioria de todos os projetos propostos, sendo 32 deles (ou 29% - quase um terço do total) tratam de denominação de vias ou vens públicos, como nomeação de ruas. Outros números relevantes são: 25% dos projetos de serviços ao cidadão, 7% de concessão de cidadania guaibense e 6% de criação de datas comemorativas.

Sobre aspectos financeiros, o OSG analisou todos os relatórios disponíveis no site da câmara guaibense e levantou algumas observações importantes (o vídeo completo com todos os dados pode ser conferido através deste link):

Leia Também:

  • Muitos dos relatórios sobre os servidores da Câmara estão desatualizados
  • Não existe sinergia de informação entre todos os relatórios - valores e quantidade de pessoal alocado não coincidem
  • Foram constatadas informações duplicadas
  • Não existe informação de composição salarial dos funcionários efetivos da Câmara. OBS: o portal Guaíba Online selecionou como exemplos alguns salários brutos de Agosto/2021 como a da telefonista (R$ 16 mil), o oficial de manutenção (R$ 45 mil), um auxiliar administrativo (R$ 29 mil) e uma servente geral (R$ 17 mil) - todos podem ser acessados através deste link do Portal da Transparência
  • Foram constatados servidores com salários acima da remuneração do próprio prefeito municipal Marcelo Reinaldo

O que diz a Câmara de Vereadores

Em contato com o jornal Guaíba Online, a assessoria de comunicação do legislativo informou que os dados da casa estão sim atualizados e que praticam a transparência adequada. Ainda comentou que muitos dos valores apresentados nos relatórios compreendem rescisões e férias e não são necessariamente vencimentos de salário regular. A casa afirmou que vai enviar um documento oficial ao jornal Guaíba Online na data de quarta-feira (22).

O Observatório Social é um espaço para o exercício da cidadania, que deve ser democrático e apartidário e reunir o maior número possível de entidades representativas da sociedade civil com o objetivo de contribuir para a melhoria da gestão pública. Cada Observatório Social é integrado por cidadãos brasileiros que transformaram o seu direito de indignar-se em atitude: em favor da transparência e da qualidade na aplicação dos recursos públicos. São empresários, profissionais, professores, estudantes, funcionários públicos e outros cidadãos que, voluntariamente, entregam-se à causa da justiça social. 



Comentários: