TVGO | Guaíba Online

Domingo, 21 de Julho de 2024

🚘 Transporte e Veículos

Há um mês fechado, Aeroporto Salgado Filho tem reabertura prevista para o Natal

Uma nova vistoria aconteceu na segunda-feira, reunindo representantes da Anac, da Fraport e do Governo Federal

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Há um mês fechado, Aeroporto Salgado Filho tem reabertura prevista para o Natal
Divulgação - Paulo Pimenta
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, completa um mês fechado na segunda-feira (03), devido aos danos causados pelas enchentes que atingiram o Rio Grande do Sul no final de abril. A reabertura está prevista para o Natal, segundo o Governo Federal.

Uma nova vistoria no local foi realizada na manhã da segunda-feira, com a presença de representantes da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), da Fraport, concessionária responsável pelo aeroporto, e do Governo Federal. A vistoria constatou a necessidade de reparos na rede elétrica e reformas na pista, que foi danificada pelas inundações.

Impacto nas Operações

Leia Também:

Antes do fechamento, o Salgado Filho operava em média 142 voos diários, tanto nacionais quanto internacionais. Desde então, mais de 4.200 voos foram cancelados, afetando significativamente o transporte aéreo no estado. O Rio Grande do Sul ficou sem voos internacionais, pois o Salgado Filho é o único aeroporto do estado com autorização para esse tipo de operação.

Esforços para Reabertura

Áreas do aeroporto ainda estão alagadas, mas o trabalho de drenagem está em andamento. Arrozeiros da região auxiliaram no processo, utilizando bombas de irrigação para remover a água acumulada. Apesar dos esforços, os danos causados pelas inundações exigem um investimento significativo em reparos e reformas.

O Governo Federal anunciou que a Fraport receberá financiamento para cobrir os custos dos reparos, que não estavam previstos no contrato de concessão. Para minimizar o impacto do fechamento do Salgado Filho, a Base Aérea de Canoas está operando voos comerciais emergenciais.

A partir de 10 de junho, o número de voos na base aérea dobrará, passando de 35 para 70 por semana, com uma média de 10 voos por dia.

Detalhes Adicionais:

  • Mortes e Desaparecidos: As chuvas e inundações no Rio Grande do Sul causaram 172 mortes e 42 pessoas ainda estão desaparecidas, segundo a Defesa Civil do Estado.
  • Danos na Pista: O ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, informou que o asfalto da pista do Salgado Filho está esfarelando devido às inundações.
  • Voos Internacionais: O Rio Grande do Sul está sem voos internacionais desde o fechamento do Salgado Filho, pois este é o único aeroporto do estado com autorização para esse tipo de operação.

 

Leia mais:



 

Comentários: