TVGO | Guaíba Online

Sexta-feira, 12 de Julho de 2024

Geral

Minha geração cresceu com valores e educação aprendidas em casa

Hoje somos quem somos por que fomos criados para sermos bons cidadãos

Vera Salbego - Crônicas
Por Vera Salbego - Crônicas
Minha geração cresceu com valores e educação aprendidas em casa
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Nasci no inverno gaúcho em pleno mês de agosto, onde meus olhos curiosos se abriram numa casa na Rua Júlio de Castilhos, Centro de Uruguaiana. Com muito amor fui recebida pela família que me esperava, pois fui a caçula de sete filhos. Aprendi as primeiras letras na Escola Nossa Senhora do Horto e também Dom Hermeto. Minhas primeiras orações aprendi na capela da Escola do Horto, onde fiz minha primeira comunhão e depois fui crescendo e já ia com amigas na missa de domingo na Igreja Matriz Nossa senhora Santana.

Leia também: Continuo a batalha, enfrentando a pandemia com escudos de luz

Nas tardes de domingo íamos ao cinema com nossa turminha e quem acompanhava era Julia Ceccon, e não perdíamos nenhum matiné. Minha vida infantil era tudo felicidade, pois brincávamos com nossa turma. Crescemos com valores e educação aprendidas em casa e hoje somos quem somos por que fomos criados para sermos bons cidadãos.

Leia Também:

Essas são algumas das recordações que hoje preservo em minha saudade do tempo de criança que fui muito feliz. Viver em Uruguaiana naquela época era tudo de bom, pois podíamos ser livres para correr, brincar e deixar a mente para voar aonde a imaginação tivesse alcance.E deixar meu caminhar ir para outros espaços a procura da concretização dos sonhos.

Leia também: Se reinventar e viver em equilíbrio: bom é percorrer o caminho do meio

Comentários:
Vera Salbego - Crônicas

Publicado por:

Vera Salbego - Crônicas

Saiba Mais