TVGO | Guaíba Online

Sexta-feira, 12 de Julho de 2024

🤝 Ação Social

Presos produzem camas para vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul

Susepe afirma que a produção das camas começou em duas unidades prisionais do estado

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Presos produzem camas para vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul
Divulgação - Policia Penal
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
Imagens

Detentos dos presídios de Iraí e Canela estão produzindo 135 camas de madeira destinadas às pessoas afetadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul. De acordo com informações da Superintendência dos Serviços Penitenciários (SusepeRS), a produção das camas começou em duas unidades prisionais, que contam com maquinário de marcenaria e insumos doados por empresários e parceiros.

Em Iraí, a meta é fabricar 100 camas. As primeiras unidades foram entregues na quinta-feira (16) a abrigos em Roca Sales. O transporte foi realizado por empresários apoiadores do projeto. Quatro detentos estão envolvidos no trabalho, que permite a redução da pena conforme a legislação.

Para a fabricação das camas, são utilizados materiais como madeira, parafusos, pregos, lixadeiras e plainadeiras doados por parceiros locais. Os detentos também produziram 140 rodos, dos quais 100 foram distribuídos para as cidades de Frederico Westphalen, Muçum e Roca Sales.

Leia Também:

Em Canela, dois detentos participam da produção. As madeiras utilizadas são doadas por empresários de São Francisco de Paula. Das 35 camas produzidas, 17 foram entregues também na quinta-feira (16) à Associação Caxiense de Esportes Náuticos, que fará a distribuição às pessoas necessitadas.

Além dos presídios de Iraí e Canela, outras unidades prisionais estão fornecendo materiais de higiene aos afetados, como sabão produzido pela Penitenciária Estadual de Bento Gonçalves, fraldas descartáveis fabricadas pelo Presídio Estadual de Jaguarão e absorventes confeccionados pelo Presídio Regional de Caxias do Sul.

Comentários: