TVGO | Guaíba Online

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

👔 Política

Eleitores do RS têm até quinta-feira para regularizar título de eleitor

Devido às fortes chuvas, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) prorrogou o prazo em 15 dias

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Eleitores do RS têm até quinta-feira para regularizar título de eleitor
Júlio Ferreira / PMPA
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Os eleitores do Rio Grande do Sul têm até quinta-feira (23) para regularizar ou emitir o título de eleitor para votar nas eleições municipais deste ano, previstas para 6 de outubro, com eventual segundo turno em 27 de outubro.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) prorrogou o prazo em 15 dias devido às fortes chuvas que afetaram o estado. No restante do país, o cadastro de eleitores para as eleições municipais encerrou-se em 8 de maio.

 

Leia Também:

Desde o final de abril, as chuvas causaram enchentes e enxurradas que resultaram em 157 mortes e 88 desaparecidos. De acordo com a Defesa Civil do estado, 76.955 pessoas estão em abrigos temporários e 581.633 ficaram desalojadas.

Os atendimentos presenciais da Justiça Eleitoral foram interrompidos no estado, e o TSE permitiu o cadastro de biometria pela internet para a emissão do primeiro título. Todos os procedimentos podem ser realizados online no portal de Autoatendimento Eleitoral.

Podem votar nas eleições deste ano todos os que completaram 16 anos até 6 de outubro. A Justiça Eleitoral estima que mais de 152 milhões de brasileiros estejam aptos a votar. Em cidades com mais de 200 mil habitantes, o segundo turno está marcado para 27 de outubro.

O prazo para a transferência do domicílio eleitoral também termina na quinta-feira. Para transferir o título, é necessário comprovar vínculo com a nova localidade, como residência, relações familiares ou profissionais. O eleitor deve residir há pelo menos três meses no novo município e ter passado um ano desde o último alistamento ou transferência. Servidores civis e militares, bem como seus familiares, estão isentos dessas condições se a mudança ocorreu devido a transferência ou remoção.

Informações adicionais sobre as zonas eleitorais estão disponíveis pelo atendimento via WhatsApp da Justiça Eleitoral do Rio Grande do Sul, no número (51) 2312-2015. Este ano, os eleitores escolherão prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. O alistamento e o voto são obrigatórios a partir dos 18 anos e facultativos para jovens de 16 e 17 anos, maiores de 70 anos e pessoas analfabetas.

 

Comentários: