TVGO | Guaíba Online

Sabado, 13 de Julho de 2024

🏥 Saúde

Inscrições no Mais Saúde com Agente são prorrogadas até segunda-feira

Programa oferece 180 mil vagas em todo o país para aprimorar qualificações de agentes comunitários

Redação TVGO
Por Redação TVGO
Inscrições no Mais Saúde com Agente são prorrogadas até segunda-feira
Divulgação - Ministério da Saúde
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O Ministério da Saúde prorrogou até a próxima segunda-feira (01º) o prazo para inscrições no Programa Mais Saúde com Agente. Gestores comunitários de saúde e de combate às endemias podem se inscrever através do site www.maissaudecomagente.ufrgs.br/inscricao.

O programa disponibiliza 180 mil vagas em todo o território nacional. Até o momento, foram recebidas mais de 135 mil inscrições, sendo 99.769 de agentes comunitários de saúde e 35.540 de agentes de combate às endemias.

Leia Também:

O objetivo do programa é fornecer condições para que agentes analisem informações coletadas em suas áreas de atuação e orientem a população, visando melhorar a atenção primária e fortalecer a vigilância em saúde.

Em comunicado, o Ministério da Saúde ressaltou que somente inscrições concluídas serão consideradas, sendo necessário verificar a mensagem final de validação do cadastro. Para agentes de saúde do Rio Grande do Sul afetados pelas enchentes, será disponibilizado um novo período de inscrição.

O Programa Mais Saúde com Agente busca ampliar as habilidades de atendimento a populações vulneráveis, promovendo equidade de gênero, raça e etnia, saúde mental e cuidado de pessoas que fazem uso abusivo de substâncias.

Os agentes comunitários de saúde trabalham na prevenção de doenças e promoção da saúde através de visitas domiciliares, orientação das comunidades, registro de informações, educação em saúde e encaminhamento ao Sistema Único de Saúde (SUS). Os agentes de combate às endemias atuam na prevenção de doenças relacionadas ao ambiente, como dengue, leishmaniose e raiva, identificando e eliminando focos de transmissão e orientando a população sobre medidas preventivas.

Você pode gostar de ler também as seguintes notícias:

 

 



 

FONTE/CRÉDITOS: Contém informações da Agência Brasil
Comentários: